domingo, 25 de dezembro de 2016

OURO, INCENSO E MIRRA

E, vendo eles a estrela, regozijaram-se muito com grande alegria. E, entrando na casa, acharam o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro, incenso e mirra.
Mateus 2: 10-11
O hábito de presentear no Natal,teve origem com o surgimento da data que significa nascimento, do latim: Natalis, no sentido de "ser posto no mundo". Nascia Jesus, Filho de Deus que repousou tranquilo em uma manjedoura, enquanto os governantes da Judeia procuravam matá-lo. Os antigos profetas, falavam que um Rei nasceria em Belém (Mateus 2:6). Ele salvaria o povo do pecado. Temendo perder o cargo, prestígio e sendo inflamado pelo inimigo, Herodes envia reis magos para localizar Jesus.(Mateus 2:8)

OS MAGOS DO ORIENTE

Finalmente os magos do oriente encontraram o caminho de Belém. Não devemos pensar que a estrela se foi movendo no céu literalmente, como um sinal indicador. Nesta passagem há muita poesia, e não devemos transformar a poesia em prosa crua e desprovida de vida. Mas a estrela brilhava sobre Belém. Há uma bonita lenda que relata como a estrela, depois de ter completado sua missão de guia, caiu no poço de
Belém e ainda está ali, onde pode ser vista às vezes por aqueles cujos corações são puros.
Construíram-se muitas lendas em torno dos três "reis magos". Na antiguidade uma tradição oriental sustentava que eram doze. Mas na atualidade em quase todo mundo se acredita que eram três. O Novo Testamento não diz quantos eram, mas o triplo presente que apresentam a Jesus sugere a possibilidade de que sejam três os que trazem os presentes. Uma lenda ulterior os fez reis. Outra, posterior até, deu-lhes nomes: Melquior, Gaspar e Baltasar. Elaborações posteriores se dedicaram a descrever a aparência pessoal destes três personagens, e determinaram quem havia trazido cada um dos presentes. Melquior era um ancião, de cabelo cinza e barba longa, e foi o que trouxe o ouro. Gaspar era jovem e sem barba, de gesto altivo. Seu dom foi o incenso. Baltasar era negro, e foi quem trouxe o dom da mirra.
Desde os tempos mais antigos os homens interpretaram de distintas maneiras a natureza dos presentes que os reis magos trouxeram para Jesus. Estas interpretações atribuem a cada um dos presentes alguma característica que se adapta ao tipo de pessoa que era Jesus e à obra que realizaria. (Comentário Bíblico William Barclay)
E é sobre estes presentes (símbolos que vamos fala um pouquinho)

OURO: Presente dada  a reis, significa a realeza, o presente mostra o reconhecimento dos magos ao oficio de Jesus (Mateus 2:2)” Dizendo: Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? porque vimos a sua estrela no oriente, e viemos a adorá-lo”.

a) Jesus nasceu para Reinar (Isaias 9: 6-7)
b) O seu reino nos traz Redenção (Colossenses 1:13)
c) O seu reinado nos conduzira a um reino celestial (2 Tm 4:18)

INCENSO: O incenso é um presente de sacerdotes. O doce perfume do incenso se usava no culto do Templo e nos sacrifícios rituais que se realizavam ali. A função do sacerdote é abrir aos homens o caminho para Deus. A palavra latina que significa "sacerdote" é pontifex, que significa "construtor de pontes". 
"Suba a minha oração perante ti como incenso, e as minhas mãos levantadas sejam como o sacrifício da tarde".(Sl 141:2)

a) Sacerdote Eterno (Hebreus 5:6)
b) Sacerdote Perfeito (Hebreus 7:11)
c) E através dele somos Sacerdote Real(1Pedro 2:9)
"Suba a minha oração perante ti como incenso, e as minhas mãos levantadas sejam como o sacrifício da tarde".(Sl 141:2)

MIRRA: A mirra é um presente para alguém que vai morrer. A mirra se usava para embalsamar o corpo dos mortos. Jesus veio ao mundo para morrer. 
“E foi também Nicodemos (aquele que anteriormente se dirigira de noite a Jesus), levando quase cem arráteis de um composto de mirra e aloés”. João 19:39

a) Ele morreu para fazer expiação pelos nossos pecados Hebreus 9:15
b) Ele morreu para nos santificar Colossenses 1:22
c) Ele morreu pelo amor de Deus João 3:16

CONCLUSÃO:  O significado do NATAL "ser posto no mundo", não pode ser encarado como um simples encontro de família ou trocas de presentes, o natal não se baseia nos símbolos natalinos da atualidade o grande presente do natal também é o aniversariante, quantas pessoas você conhece que tem mais de 2000 anos de vida e que continua a nascer todos os dias em muitos corações. Este mesmo Jesus que foi presenteado pelos magos espera ser presenteado com nossas vidas. 
Pense Nisto!
Deus abençoe! 
Feliz Natal!   

Sebastião Luiz Chagas, Pastor