terça-feira, 3 de julho de 2012

ECOS DA VIDA



 “Porque tudo que o homem semear, isso também ceifará” (Gálatas 6:7)

 “O filho e o pai caminham pela montanha quando, de repente, o menino cai. Sentido dores, ele grita: - Ai!!! Para sua surpresa, alguém responde em algum lugar da montanha: - Ai!!! Curioso, o menino pergunta: - Quem é você?  E recebe como resposta: - Quem é você? Contrariado grita: - Seu covarde! E escuta como resposta: - Seu covarde! O menino olha para o pai e pergunta, aflito: - O que é isto? O pai sorri e fala: - Meu filho, preste atenção. Então o pai grita em direção à montanha: - Eu amo você! A voz responde: - Eu amo você! De novo o homem grita: - Você é um campeão! A voz responde: - Você é um campeão!  E o pai então passa a explicar ao filho: - As pessoas chamam isso ECO, mas, na verdade, isso é a VIDA. A vida acaba lhe dando de volta tudo o que você faz, diz e deseja aos outros.”

Nessa vida, muitas e muitas vezes as pessoas recebem o reflexo das suas atitudes. Alguns pais dizem a seus filhos: “você não vai ser nada nesta vida”, “seu burro”, “seu porco”, “mariquinha”, “você se veste igual uma prostituta”, “você não faz nada direito”... Uma vez que o poder das palavras do pai sobre o filho é muito grande, não é surpresa quando, no futuro, muitas dessas maldições se tornam realidade.

Se quisermos receber da vida mais amor, amizade, carinho, afeto e consideração, então devemos criar mais de tudo isso em nosso ambiente. Enquanto há tempo, vamos criar BONS ECOS ao nosso redor...

Pr. Gerson Moura Martins