quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Ensinos em Romanos 1:1

"PAULO, servo de Jesus Cristo, chamado para apóstolo, separado para o evangelho de Deus".                                                                                                                                                
                    
O capitulo 1 de Romanos traz a assinatura do autor da carta e queremos fazer algumas considerações para edificação de nossas vidas, aproximando-nos mais da vontade do Pai.

1)      Paulo, servo de Jesus Cristo: Se fosse nos dias atuais e a ordem fosse a mesma em que foi escrita a epistola, trazendo a assinatura do autor no inicio, talvez se escrevesse assim, “ Apóstolo fundador das igrejas na Galacia, operador de milagres, poderoso no batismo no Espirito Santo, presidente de..., o apóstolo começa por seu nome Paulo e Deus nos ensina através da vida de Paulo que antes do titulo vem a pessoa, antes de ser pastor, diácono, obreiro, você tem um nome e por ele o Senhor te conhece, outro ponto interessante é sua declaração  , servo de Jesus Cristo, a palavra grega utilizada aqui é dolos, que significa “escravo de Jesus Cristo”, naquela época o escravo carregava soldado ao pescoço um colar com o nome de seu dono, escravo não era contado como pessoa mais sim como um instrumento, fazendo uma analogia podemos dizer que o apostolo Paulo declara não ter mais vontade própria, que carrega o nome do seu Senhor e sendo um instrumento vivo ao seu serviço  pois como um escravo foi comprado por um alto preço, Aleluia!

2)      Chamado para apóstolo: A convicção do chamado e de quem o chamou é claro em suas palavras, não usurpando um titulo, querendo mostra estar acima daqueles com quem caminha, não por vaidade mas por vocação e segundo o que nos ensina a palavra o ultimo a ser chamado para esse ministério, no sentido da palavra apóstolos, enviados, ele cumpriu seu ministério como apóstolo dos gentios. Somos por Deus ensinados a humildade, a nos colocarmos em nosso lugar e ser fiel no que Deus nos chama, seja porteiro, seja diácono, seja obreiro, pastor,  presbítero, tenha certeza que Deus o chamou nessa função e a faça com alegria, “pois a recompensa vem do Senhor”.

3)      Separado para o evangelho de Deus: O evangelho tem um dono e ele nos deu a direção daquilo que tem a ser ensinado, não há uma nova revelação o que havia de ser revelado esta na bíblia e o que fugir a isso é anátema (maldito), separado podemos dizer que houve uma escolha como o apostolo foi escolhido, nós também fomos e cabe a nós fazer esse anuncio desse evangelho que não é de facilidades, mas de renuncia, entrega total corpo e alma lançados ao pés do Senhor Jesus, o evangelho “que é poder de Deus para salvação de todo aquele que crer.

E em um pequeno versículos, o Espirito Santo nos ensina coisas tremendas, que nos levam a rever alguns conceito e posições, para que possamos fugir das cadeias da vaidade em que muitos cristãos estão presos sem forças para se libertar, que possamos ter o nosso nome a frente do nosso titulo, que sejamos servos fieis e verdadeiros anunciado a ressurreição do Senhor Jesus.      
                                                                                 Pastor Sebastião Luiz Chagas