sábado, 4 de junho de 2011

A FÉ EM DEUS VENCE TODO MEDO



“Era uma vez um ratinho muito medroso, que quase morria de susto cada vez que via um gato. Um mágico, comovido com seu sofrimento, disse-lhe: - Pobre ratinho... vou transformá-lo num gato, para que você nunca mais tenha mais medo. Tão logo foi transformado em gato, o ratinho-gato viu um cachorro, e novamente quase morreu de medo. O mágico, mais uma vez veio em seu socorro: - Pobre ratinho... vou transformá-lo num cachorro, para que você nunca mais tenha mais medo. Mas, tão logo foi transformado em cachorro, o ratinho-cachorro viu uma onça, e novamente quase morreu de medo. O mágico, mais outra vez quis ajudá-lo: - Pobre ratinho... vou transformá-lo numa onça, para que você nunca mais tenha mais medo. Mas, tão logo foi transformado em onça, o ratinho-onça viu um caçador, e novamente quase morreu de medo. O mágico então entendeu o problema: - Não importa no que eu o transforme, meu amiguinho, você sempre terá medo, pois o problema é que você tem um coração de rato. A única solução seria mudar seu coração, mas isto não depende só de mim...”

Sentir um pouco de medo diante de determinadas situações é absolutamente normal e faz parte do instinto de sobrevivência inerente ao ser humano. Todo mundo tem uma certa dose de medo: de altura, de fogo, de doenças, de animais peçonhentos, de armas, do sobrenatural, entre outros.
A Bíblia está repleta de exemplos de homens notáveis que tiveram medo em certos momentos, como Abraão, Moisés, Elias, Davi e Pedro, só para falar dos mais conhecidos. O problema não é sentir medo, mas o que fazer quando isto acontecer. Se cremos realmente em Deus, não deixaremos que o medo trave nossos movimentos e turve a nossa fé.
Infelizmente, a maioria das pessoas não teme a Deus, mas vivem aprisionadas por um sem número de temores e fobias. O crente, por sua vez, é aquele que teme somente a Deus, para não precisar temer mais coisa alguma...

Pr. Gerson Moura Martins
pastorgerson@terra.com.br