quarta-feira, 7 de abril de 2010

Perguntaram-me pela manhã, De onde vem toda essa alegria, Eu pude responder então, Do começar desse novo dia. Enquanto muitos não podem ver, Tudo posso contemplar, Enquanto muitos não podem ouvir, O canto dos pássaros posso escutar. Temos pés, mãos, ouvidos, olhos, nariz e boca, Tudo em seu devido lugar, Já não nos basta tudo isso, Para poder nos alegrar? Quantos queriam ter tudo isso, Estar em nosso lugar, Por isso meu amigo privilegiado, Junte-se comigo na minha alegria, E dê um bom dia a quem passar. Mais um dia de vida, Pela sua graça Deus nos dá, Então temos muitos motivos para sorrir, E poucos motivos para chorar. Bom Dia Deus te Abençoe Texto de Elisabete Roza