segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

FAMILIA BENDITA PROJETO DE DEUS

Durante as comemorações do mês do lar, é de suma importância que olhemos para as famílias cristãs como bênçãos de Deus para a Igreja e a sociedade. Isso porque, o primeiro livro da Bíblia apresenta experiências singulares no que se refere à grande promessa do Senhor para com as famílias. Para Abrão, foi assim: “Abençoarei aos que te abençoarem, e amaldiçoarei àquele que te amaldiçoar; e em ti serão benditas todas as famílias da terra” (Gn 12.3). Essa mesma promessa continuou no capítulo 28, agora direcionada a outro patriarca: Jacó. Assim lhe disse o Senhor: “e a tua descendência será como o pó da terra; dilatar-te-ás para o ocidente, para o oriente, para o norte e para o sul; por meio de ti e da tua descendência serão benditas todas as famílias da terra” (v. 14). Essas famílias e sua descendência seriam canal da maior bênção que o mundo veria: a vinda do Messias. Com isso, perguntamos: em que sentido a família cristã de hoje pode ser considerada bendita? 1.A família cristã é bendita, porque serve de instrumento para levar salvação aos perdidos. Que experiência maravilhosa é saber que alguém se converteu através do testemunho de uma família cristã! Damos graças a Deus por aqueles lares que se preocupam em levar uma mensagem de paz e salvação àqueles que precisam de Jesus. O simples fato de uma família se reunir para ir à Casa do Senhor já é um testemunho para os que estão de fora. Os membros dessas famílias serão identificados como aqueles que servem ao Senhor. Esse testemunho pode servir de salvação para aquelas famílias que andam distante do Evangelho. 2.A família cristã é bendita, porque nela se manifesta a presença de Deus. O lar cristão é um local especial de adoração. É no contexto familiar que podemos sentir mais de perto a presença de Deus. Ele espera que o adoremos em família. O salmista declara: “Todos os limites da terra se lembrarão e se converterão ao Senhor, e diante dele adorarão todas as famílias das nações” (Sl 22.27). No Novo Testamento encontramos, vez após vez, a família como ponto de encontro da Igreja cristã. A expressão “igreja que está em tua casa” (Fl 1.2) demonstra que a família é um dos locais apropriados para a manifestação da presença de Deus. Ainda hoje, Ele espera que nossas famílias estejam prontas para o adorar e servir. Então, temos um grande desafio diante de nós: tirar tudo aquilo que tem impedido que nosso lar seja um local de adoração. Se assim fizermos, Deus ocupará o primeiro lugar em nossas vidas e todos poderemos dizer com Josué: “Porém eu e a minha casa serviremos ao Senhor” (Js 24.15b). Dessa forma, muitas outras famílias serão abençoadas por verem Deus se manifestando em nosso lar. 3.A família cristã é bendita,porque ela valoriza o matrimônio Andamos na contramão da história,no que se refere ao matrimônio. A durabilidade desse é considerada algo fora de moda. A Bíblia, porém, não vê assim. Para o cristão, há uma promessa maior. O matrimônio deve ser honrado por todos. O autor da carta aos Hebreus declara: “Honrado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; pois aos devassos e adúlteros, Deus os julgará” (Cap 13.4). Um matrimônio forte é fundamental para a existência de uma sociedade melhor. Deus quer usar casais cristãos para ajudarem na preservação dos valores espirituais, morais e éticos, tão necessários no mundo de hoje. Que a família cristã ouça de Deus a mesma promessa: “em ti serão benditas todas as famílias da terra”. Para tanto, que Ele nos abençoe.

Louvor, Adoração e Palavra

Loading...